Obra do novo Hospital Regional avança e plano é adiantar ainda mais o cronograma

Mais de 1,8 milhão de pessoas, moradoras das sete cidades que compõem a região oeste da Grande São Paulo, serão beneficiadas pelo novo Hospital Regional Rota dos Bandeirantes

A obra dará à região o maior e mais moderno hospital público de alta complexidade do Estado na atualidade, conforme afirma o secretário de Saúde de Barueri. A assinatura do convênio entre o Estado e o município, que cedeu o terreno, o projeto e também está custeando metade da obra, foi feita no dia 23 de agosto de 2019. Após todos os trâmites legais, em outubro do ano passado teve início a construção. Nesta terça-feira (27), o secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, representando o governador João Doria, visitou pessoalmente o local, que está evoluindo rápido e relatou sobre a parceria entre a prefeitura de Barueri e o Estado de São Paulo, que totalizando os investimentos serão de R$ 200 milhões, sendo R$ 100 milhões da prefeitura e R$ 100 milhões do estado.

O vice-prefeito, atual secretário de obras do município de Barueri, Beto Piteri, garantiu que a urgência é de todos os envolvidos e afirmou sobre o desejo de entregar o hospital em 2022.

O Hospital Regional Rota dos Bandeirantes será um equipamento público de alta complexidade. Ele terá capacidade para 1.100 internações e 580 cirurgias por mês. Serão 370 leitos, dos quais 50 de UTI e oito salas cirúrgicas, dentre várias outras alas específicas, além de parque tecnológico de última geração com acelerador linear, hemodinâmica e aparelhagem completa e digital.

Localizado na avenida Aníbal Correia, 1445, no Jardim São Diego, em Barueri, o equipamento, que faz divisa com Carapicuíba e Jandira, está sendo erguido sobre terreno de 64 mil metros quadrados. O prédio terá 10 pavimentos, além de um heliponto, totalizando 41 mil metros quadrados de área construída.

Por favor deixe seu like ou compartilhe:

749 thoughts on “Obra do novo Hospital Regional avança e plano é adiantar ainda mais o cronograma