Prefeito de Osasco Rogério Lins, fecha hospital de campanha por falta de demanda

Prefeito de Osasco Rogério Lins, fecha hospital de campanha por falta de demanda

O prefeito de Osasco, Rogério Lins anunciou o fechamento do Hospital de Campanha da zona norte da cidade. O hospital possuía 70 leitos e equipamentos para atender casos de urgência e emergência. No total, 502 pacienteshaviam sido internados e não houve nenhum caso de óbito.A ultima paciente a sair do hospital, foi a Dona Maria de 55 anos, ela ficou cerca de 10 dias entubada e agora está curada.

O prefeito Rogério Lins informouque o atendimento no local será suspenso, mas que a estrutura no local permanecerá caso seja necessário. Segundo Lins, a cidade chegou a marca de mais de 15 mil curados graças ao empenho dos profissionais da saúde, mas que a pandemia ainda não acabou, e que a cidade precisa do apoio da população.

Osasco chegou a marca de 728 óbitos, 16.796 casos confirmados, e em agosto se tornou a decima cidade do Brasil que teve mais mortes de pessoas por Covid-19.

Por favor deixe seu like ou compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Gostou da nossa página? Compartilhe com seus amigos!